Supermercados investem em áreas gourmet
Por adove Em Dicas Postado: 1 de outubro de 2018

Supermercados investem em áreas gourmet

Mais uma tendência. Supermercados estão investindo em espaços para refeições diversas. A “moda” recheia os ganhos e atrai os clientes. Para isso, é importante projetar bem o espaço interno dos supermercados. As áreas, que muitas vezes, dividem espaços com as próprias prateleiras, trazem ainda mais delícias para dentro da loja.

O brasileiro nunca comeu tanto fora de casa quanto nos dias atuais. Esse novo estilo de vida ocupa cada vez mais do orçamento doméstico e cabe aos lojistas aproveitarem essa oportunidade para diversificarem seus negócios. Muitos supermercados já estão respondendo à essa demanda investindo em espaços que servem tanto para comprar quanto para comer. Uma pesquisa da Associação Brasileira de Supermercados (Abras) mostra que 51% das lojas no Brasil oferecem espaços para alimentação.

Em 2017, lanchonetes e restaurantes abertos dentro de supermercados cresceram 9%, enquanto o setor avançou menos de 4.5%. Em alguns casos, esse upgrade chega a representar 30% do faturamento total do negócio.

Mudança no estilo de vida

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revela que o custo da alimentação fora de casa acumula alta de 9,64% em 12 meses, maior que a inflação do país. É importante notar que além das compras tradicionais do segmento, o cliente passou a tomar o café da manhã, almoçar, lanchar à tarde e até fazer o happy hour com amigos nos espaços de supermercados e padarias.

Desde o antigo armazém, onde o pedido era anotado na caderneta, os supermercados estão agora vivenciando sua sexta etapa na evolução do segmento. Das pequenas empresas aos hipermercados, o setor tem aumentado a oferta de alimentos prontos ou semiprontos. Especialmente com áreas de alimentação gourmet dentro das lojas, facilitando a vida dos clientes e oferecendo um atrativo a mais.

Na modernidade, as pessoas não precisam sair de casa para fazer compras. Sendo assim, o tráfego de clientes nas lojas está diminuindo de forma gradativa. Essa é uma estratégia para voltar a trazer os clientes para dentro dos espaços, onde acabam consumindo mais do que quando realizam as compras pela internet.

Grandes Lojas

Supermercados investem em áreas gourmetAs grandes redes, como Carrefour, Extra e Walmart, foram as primeiras a oferecem serviços de lanchonetes e restaurantes. Em alguns pontos de vendas, o conceito é ampliado também para comodidades como drogarias, lavanderias, áreas infantis e até pet shops.

Outros setores como lojas de materiais de construção também aderiram a ideia. Hoje em dia as pessoas precisam economizar tempo. Os cafés e áreas para refeições trazem comodidade e conforto. Além disso, funcionam como uma ajuda aos clientes, pois permitem que os clientes se planejem para fazerem refeições rápidas dentro do mesmo lugar em que realizam suas compras.

Há muitos anos, supermercadistas como Ikea, Nordtrom e o Whole Foods oferecem aos clientes níveis variados de experiências gastronômicas. O Chelsea Market, de Nova York, adota uma abordagem mais clássica em seu café. O espaço combina refeições gourmet, lanches e coquetéis com uma sofisticada área de estética e varejo. Os pratos e copos usados para o jantar ficam disponíveis para compra, inaugurando um novo nicho.

As redes de supermercados estão transformando-se em um tipo de centro comunitário. Este que oferece refeições, itens de bar e até mesmo entretenimento ao vivo. Para os próximos anos, espera-se ver um crescimento nos supermercados com refeições rápidas e outras oportunidades únicas, como degustações de vinhos e áreas de lazer.

O foco é promover uma experiência única de consumo aos clientes. As áreas geralmente utilizam a estratégia de cafés, restaurantes ou um balcão de serviço rápido. Já é fato que o setor tem encontrado sucesso em iniciativas de food service! A tendência está sendo impulsionada tanto pelo atual panorama do varejo, que está em constante evolução, quanto pela necessidade de adaptação à mudança dos estilos de consumo, com o intuito de atender os desejos de seus consumidores.

Exemplos de sucesso no Brasil

Uma Rede de Supermercados em Minas Gerais (Super Nosso) conta com 14 unidades em Belo Horizonte e 10 delas já possuem restaurantes. Duas novas unidades estão para serem inauguradas e o diretor do grupo garante “Teremos restaurantes nas duas”.  Os espaços, que oferecem pizzas e até culinária japonesa, já representam 7% do faturamento das lojas.

Segundo o executivo, o retorno do investimento tem sido surpreendente. “Percebemos que há famílias que vão almoçar domingo no supermercado ou tomar o café da manhã. Também tem o público que faz reservas para comemorar o aniversário.” Ele destaca que o restaurante passou a atrair público para o supermercado, quando a expectativa era que só o oposto ocorresse.

Isabella, sócia-diretora da Padaria Boníssima, diz que a nova loja da rede vai funcionar dentro do modelo. “Essa é uma tendência, até mesmo para os pequenos negócios. As pessoas trabalham muito e não têm tempo para cozinhar em casa.” Em outra loja na rede, o retorno do investimento no espaço do restaurante foi tão satisfatório que já representa 30% do faturamento da casa.

Pensando no espaço

Para seguir a tendência, é importante que o espaço seja bem planejado. As áreas de refeições precisam atender os princípios de higiene e conforto que qualquer restaurante prega. A comodidade é quem tem mais voz. A pessoa que está fazendo suas compras, ou mesmo as que chegam somente para fazer a refeição, devem se sentir confortáveis e bem atendidas.

Mesmo que o espaço seja montado no meio da loja, dividindo espaço com as gôndolas, é essencial que um clima seja criado. Divisórias com pequenas cerquinhas ou plantas são diferenciais. Mesas com cadeiras confortáveis são boas opções para chamar a atenção dos consumidores. Também deve ser reservada uma equipe especial para se dedicar no atendimento a este público.

POSTAGENS RELACIONADAS

Espaço Gourmet: saiba...

Como atrair clientes p...

Supermercados investem...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *